O caso Battisti

Mais um texto da série “deveria ter publicado isso um bom tempo atrás”, mas vá lá…

Brasil não deveria desviar os seus princípios por questões ideológicas

Brasil não deveria desviar os seus princípios por questões ideológicas

Estou acompanhando com perplexidade o tratamento que o Brasil está dando ao refugiado italiano Cesare Battisti. Mesmo sabendo de todos os crimes que este homem cometeu e tendo conhecimento que ele já foi julgado e condenado pela Justiça Italiana o nosso Governo, com seus nobres petistas de coração tão nobre, insistem em utilizar valores ideológicos de seu partido para embasar o asilo político oferecido.

Uma das questões chave deste caso e que ainda não consegui decifrar é por que o Governo resolveu assumir um problema que não é seu? Já não temos problemas suficientes? Nosso tão aclamado ministro Tarso Genro é o grande defensor da causa, mas se esquece que o nosso poder judiciário, o qual é responsável no cargo de Ministro da Justiça, possui pilhas e pilhas de processos que estão atrasados e que precisam de tratamento. Entre eles, alguns de extrema urgência pública, como o aborto para bebês anencéfalos, que infelizmente perderam o lugar na fila.

Por que tem que ser o nosso país a se meter nessas confusões? Deixem que Chaves e seus amigos sejam os responsáveis por abrigar terroristas! Ou melhor, enviem esse assassino de volta ao seu país para que cumpra a pena que recebeu.

Para ser sincero sinto-me envergonhado, como cidadão brasileiro, por ações como essa que mancham nossa imagem no exterior. Estamos no centro de uma discussão que toma proporções cada vez maiores e se não agirmos de acordo seremos alvo não apenas dos italianos, mas de todos aqueles que tiverem conhecimento do caso.

Está na hora da própria população brasileira se manifestar. Não quero que meu país seja abrigo para este tipo de pessoa. Quero que o Governo defenda primeiramente os nossos interesses, mas pelo jeito, mesmo depois do carnaval, Lula, Tarso e seus companheiros ainda cantam um enredo que dá vergonha.

Atualização:

Em uma notícia do Estadão tem alguns comentários interessantes. Veja um deles: (cortei umas partes)

“O que é lamentável é a perda de tempo e dinheiro para um julgamento que não precisaria existir se Lula e Genro não abraçassem sua causa ideológica. Os nossos problemas ficam na fila esperando para serem atendidos enquanto os juízes pagos com nosso dinheiro julgam coisas que não nos dizem respeito. Cada país tem sua lei e sua cultura: na Itália é de um jeito, em Cuba de outro, e no Brasil vaga-se em ziguezague como bêbado. Só espero que devolvam o italiano, senão será mais dinheiro nosso jogado no lixo.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s